Motivos para ter criado o Blog:

Mi foto
Eu criei este Blog pra levar a Palavra de Deus a toda criatura. (Marcos 16; 15) Obs.: É por meio deste Blog que eu estou publicando os Estudos que já havia enviado aos meus amigos por e-mail, e aos que não viram todos, aqui terão acesso a eles; pois também foi pelo aumento na demanda de pessoas nos grupos de e-mail que criei o blog. Eu já publiquei os novos, após publicar os anteriores." A Palavra de Deus se renova a cada manhã!", "O céu e a terra passarão, mas as minhas Palavras não hão de passar. - Mateus 24; 35" Um outro motivo pra o blog existir foi por causa de alguns amigos que me incentivaram/estimularam e ajudaram pra que essa idéia se concretizasse e por meio dela, muitas almas sejam alcançadas. Aproveitem este espaço pra conhecer um pouco mais da Palavra de Deus e me ensinar também! Obs.: “Muitas das mensagens que postei fui eu quem “escreveu”, utilizando a Palavra de Deus; e as que não fui eu que “escrevi” completamente ou complementei, procurei citar o nome do autor, e alguns que não coloquei foi por não saber quem é!” Este Blog só existe pra levar a Mensagem do Sofrimento de Jesus na Cruz, que foi por Amor a mim e a você! E não para qualquer outro propósito!

"Mas importa que o Evangelho seja primeiramente pregado entre todas as nações."

Marcos 13;10


domingo, 28 de mayo de 2017

Éfeso- Primeira Carta das 7 Igrejas da Ásia



Antes de começar o estudo de hoje, gostaria de vos agradecer pelos acessos e pelas orações, e ao mesmo tempo me desculpar por não ter tido o tempo que gostaria para publicar Estudos Bíblicos, porém tive a preocupação de não deixar de publicar algo para alimentação espiritual de todos os leitores desta Obra, por isto publiquei diversos poemas que o Senhor me concedeu e de outros autores também, pois sei a minha responsabilidade com as almas que esperam semanalmente por publicações deste Blog; creio que sempre que demoro um pouco os amados já oram por mim e por esta Obra, esclareço que realmente era necessária a interseção dos prezados, uma vez que nos últimos meses estava com 4 pessoas da família com problemas de saúde e 3 (prima, tia e avô) delas internadas em hospitais, com quadros clínicos distintos. Para a Glória de Deus todos já estão de Alta Médica!
Hoje soube que uma irmã em Cristo que estava internada no mesmo hospital que a minha tia, cuja é mãe de uma amiga da minha família, dormiu no Senhor. Peço que orem por esta família enlutada! 


Em continuação aos estudos das cartas às 7 Igrejas da Ásia menor, falaremos agora sobre a primeira carta do apóstolo João, cuja foi destinada à Igreja de Éfeso.

Apocalipses 2; 1-7: Escreve ao anjo da igreja que está em Éfeso: Isto diz aquele que tem na sua destra as sete estrelas, que anda no meio dos sete castiçais de ouro: Conheço as tuas obras, e o teu trabalho, e a tua paciência, e que não podes sofrer os maus; e puseste à prova *os que dizem ser apóstolos, e o não são, e tu os achaste mentirosos. E sofreste, e tens paciência; e trabalhaste pelo meu nome, e não te cansaste. Tenho, porém, contra ti que deixaste o teu primeiro amor. Lembra-te, pois, de onde caíste, e arrepende-te, e pratica as primeiras obras; quando não, brevemente a ti virei, e **tirarei do seu lugar o teu castiçal, se não te arrependeres. Tens, porém, isto: que odeias as obras dos ***nicolaítas, as quais eu também odeio. Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: ****Ao que vencer, dar-lhe-ei a comer da árvore da vida, que está no meio do paraíso de Deus.

Há um ponto interessante que quero resaltar no texto acima que é sobre o cuidado que precisamos ter com *os que dizem ser apóstolos. Um dos principais cuidados de Jesus, ao dirigir sua mensagem final às sete igrejas, foi preveni-las da apostasia por tolerar falsos mestres, profetas ou apóstolos, que distorciam a Palavra de Deus ou enfraqueciam seu poder e autoridade nas igrejas. Cristo ordena que as igrejas testem todos os que alegam autoridade espiritual. Note que Cristo censurou as igrejas de Pérgamo e Tiatira por acolherem, ao invés de resistirem, os que eram desleais à verdade e padrões da Palavra de Deus.

Apocalipses 2; 14-16 e 20: Mas algumas poucas coisas tenho contra ti, porque tens lá os que seguem a doutrina de Balaão, o qual ensinava Balaque a lançar tropeços diante dos filhos de Israel, para que comessem dos sacrifícios da idolatria, e se prostituíssem. Assim tens também os que seguem a doutrina dos nicolaítas, o que eu odeio. Arrepende-te, pois, quando não em breve virei a ti, e contra eles batalharei com a espada da minha boca. Mas tenho contra ti que toleras Jezabel, mulher que se diz profetisa, ensinar e enganar os meus servos, para que se prostituam e comam dos sacrifícios da idolatria.

Mateus 24; 11-13: E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos esfriará. Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo.


***nicolaítas: Não vou falar sobre este subtópico, não por que não seja importante, mais sim porque já falei no primeiro estudo sobre as 7 cartas, no estudo sobre Pérgamo.


A igreja de Éfeso se caracterizou por sua intolerância às heresias, pela defesa e cumprimento da doutrina recebida dos apóstolos. Mas, Jesus a repreendeu por sua negligência quanto ao amor, pois havia descuidado a sua devoção pessoal a Cristo e à Sua Palavra. Esta carta nos ensina que, mais que liturgia ou cumprimento de mandamentos, o Senhor Jesus esperava de cada um de nós, um amor sincero e devotado à Sua pessoa divina.

Marcos 12; 32-34: E o escriba lhe disse: Muito bem, Mestre, e com verdade disseste que há um só Deus, e que não há outro além dele; E que amá-lo de todo o coração, e de todo o entendimento, e de toda a alma, e de todas as forças, e amar o próximo como a si mesmo, é mais do que todos os holocaustos e sacrifícios. E Jesus, vendo que havia respondido sabiamente, disse-lhe: Não estás longe do reino de Deus. E já ninguém ousava perguntar-lhe mais nada.

1 Timóteo 1; 5: Ora, o fim do mandamento é o amor de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida.

2 Timóteo 2; 22: Foge também das paixões da mocidade; e segue a justiça, a fé, o amor, e a paz com os que, com um coração puro, invocam o Senhor.

2 Coríntios 11; 3: Mas temo que, assim como a serpente enganou Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos sentidos, e se apartem da simplicidade que há em Cristo.

Mateus 5; 17: Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim ab-rogar, mas cumprir.

Deuteronômio 10; 12: Agora, pois, ó Israel, que é que o SENHOR teu Deus pede de ti, senão que temas o SENHOR teu Deus, que andes em todos os seus caminhos, e o ames, e sirvas ao SENHOR teu Deus com todo o teu coração e com toda a tua alma.


1)    Características da Igreja de Éfeso: Ela foi fundada pelo apóstolo Paulo durante a sua segunda viagem missionária e experimentou um grande avivamento a partir da terceira viagem do apóstolo, quando houve batismos com o Espírito Santo, curas divinas e muitas conversões.

Atos 18; 19: E chegou a Éfeso, e deixou-os ali; mas ele, entrando na sinagoga, disputava com os judeus.

Atos 19; 1-17: E sucedeu que, enquanto Apolo estava em Corinto, Paulo, tendo passado por todas as regiões superiores, chegou a Éfeso; e achando ali alguns discípulos, Disse-lhes: Recebestes vós já o Espírito Santo quando crestes? E eles disseram-lhe: Nós nem ainda ouvimos que haja Espírito Santo. Perguntou-lhes, então: Em que sois batizados então? E eles disseram: No batismo de João. Mas Paulo disse: Certamente João batizou com o batismo do arrependimento, dizendo ao povo que cresse no que após ele havia de vir, isto é, em Jesus Cristo. E os que ouviram foram batizados em nome do Senhor Jesus. E, impondo-lhes Paulo as mãos, veio sobre eles o Espírito Santo; e falavam línguas, e profetizavam. E estes eram, ao todo, uns doze homens. E, entrando na sinagoga, falou ousadamente por espaço de três meses, disputando e persuadindo-os acerca do reino de Deus. Mas, como alguns deles se endurecessem e não obedecessem, falando mal do Caminho perante a multidão, retirou-se deles, e separou os discípulos, disputando todos os dias na escola de um certo Tirano. E durou isto por espaço de dois anos; de tal maneira que todos os que habitavam na Ásia ouviram a palavra do Senhor Jesus, assim judeus como gregos. E Deus pelas mãos de Paulo fazia maravilhas extraordinárias. De sorte que até os lenços e aventais se levavam do seu corpo aos enfermos, e as enfermidades fugiam deles, e os espíritos malignos saíam. E alguns dos exorcistas judeus ambulantes tentavam invocar o nome do Senhor Jesus sobre os que tinham espíritos malignos, dizendo: Esconjuro-vos por Jesus a quem Paulo prega. E os que faziam isto eram sete filhos de Ceva, judeu, principal dos sacerdotes. Respondendo, porém, o espírito maligno, disse: Conheço a Jesus, e bem sei quem é Paulo; mas vós quem sois? E, saltando neles o homem que tinha o espírito maligno, e assenhoreando-se de todos, pôde mais do que eles; de tal maneira que, nus e feridos, fugiram daquela casa. E foi isto notório a todos os que habitavam em Éfeso, tanto judeus como gregos; e caiu temor sobre todos eles, e o nome do Senhor Jesus era engrandecido.


a)    Era uma igreja com grande conhecimento bíblico: O conteúdo bíblico e teológico da igreja em Éfeso era singular. Esta realidade era o resultado do trabalho ostensivo de ensino do apóstolo Paulo, que durante três anos seguidos os ensinou a Palavra de Deus. Durante esse tempo, Paulo lhes expôs “todo o conselho de Deus”. A igreja em Éfeso ainda teve o privilégio de receber uma carta pastoral enviada por Paulo.

Atos 20; 17-31: E de Mileto mandou a Éfeso, a chamar os anciãos da igreja. E, logo que chegaram junto dele, disse-lhes: Vós bem sabeis, desde o primeiro dia em que entrei na Asia, como em todo esse tempo me portei no meio de vós, Servindo ao Senhor com toda a humildade, e com muitas lágrimas e tentações, que pelas ciladas dos judeus me sobrevieram; Como nada, que útil seja, deixei de vos anunciar, e ensinar publicamente e pelas casas, Testificando, tanto aos judeus como aos gregos, a conversão a Deus, e a fé em nosso Senhor Jesus Cristo. E agora, eis que, ligado eu pelo espírito, vou para Jerusalém, não sabendo o que lá me há de acontecer, Senão o que o Espírito Santo de cidade em cidade me revela, dizendo que me esperam prisões e tribulações. Mas em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira, e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus. E agora, na verdade, sei que todos vós, por quem passei pregando o reino de Deus, não vereis mais o meu rosto. Portanto, no dia de hoje, vos protesto que estou limpo do sangue de todos. Porque nunca deixei de vos anunciar todo o conselho de Deus. Olhai, pois, por vós, e por todo o rebanho sobre que o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a igreja de Deus, que ele resgatou com seu próprio sangue. Porque eu sei isto que, depois da minha partida, entrarão no meio de vós lobos cruéis, que não pouparão ao rebanho; E que de entre vós mesmos se levantarão homens que falarão coisas perversas, para atraírem os discípulos após si. Portanto, vigiai, lembrando-vos de que durante três anos, não cessei, noite e dia, de admoestar com lágrimas a cada um de vós.

Efésios 1; 1-5: Paulo, apóstolo de Jesus Cristo, pela vontade de Deus, aos santos que estão em Éfeso, e fiéis em Cristo Jesus: A vós graça, e paz da parte de Deus nosso Pai e do Senhor Jesus Cristo! Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo; Como também nos elegeu nele antes da fundação do mundo, para que fôssemos santos e irrepreensíveis diante dele em amor; E nos predestinou para filhos de adoção por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito de sua vontade.


b)    Era uma igreja ensinada por grandes líderes: Além de Paulo, a igreja em Éfeso teve outros grandes mentores espirituais, como Timóteo e Tíquico. Alguns estudiosos afirmam que o apóstolo João, discípulo amado, também pastoreou aquela igreja.

2 Timóteo 4; 12: Também enviei Tíquico a Éfeso.


c)     Era uma igreja que conhecia as operações do Espírito Santo: Éfeso se tornou a principal sede das atividades de Paulo na terceira viagem missionária e o lugar onde Deus multiplicou as Suas maravilhas. O Nome do Senhor Jesus foi grandemente engrandecido por meio daquela igreja.

Atos 19; 11 e 12: E Deus pelas mãos de Paulo fazia maravilhas extraordinárias. De sorte que até os lenços e aventais se levavam do seu corpo aos enfermos, e as enfermidades fugiam deles, e os espíritos malignos saíam.



2)    A Igreja em Éfeso repreendida por deixar o primeiro amor: Podemos definir este amor como a alegria da Salvação que nos impulsiona a declarar toda a nossa afeição a Deus. É o enlevo que, no início, fez com que os efésios vivessem nas regiões celestiais em Cristo Jesus. Com o passar do tempo, por descuidar do uso das armas espirituais, a igreja já não conservava o ardor daquele sentimento descrito por Salomão: “Eu sou do meu amado, e o meu amado é meu; ele se alimenta entre os lírios”.

Salmos 116; 1: Amo ao SENHOR, porque ele ouviu a minha voz e a minha súplica.

Efésios 1; 3: Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo.

Efésios 6; 10-18: No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder. Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo. Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes. Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça; E calçados os pés na preparação do evangelho da paz; Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno. Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus; Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisto com toda a perseverança e súplica por todos os santos.

Cantares 6; 3: Eu sou do meu amado, e o meu amado é meu; ele apascenta entre os lírios.


a)    O amor é o segredo da nossa íntima comunhão com Deus: Este amor é fruto do amor divino, que nos alegra, nos estimula a momentos de devoção e nos leva à obediência a Palavra.

1 Pedro 1; 8: Ao qual, não o havendo visto, amais; no qual, não o vendo agora, mas crendo, vos alegrais com gozo inefável e glorioso.

Colossenses 1; 4: Porquanto ouvimos da vossa fé em Cristo Jesus, e do amor que tendes para com todos os santos.

João 14; 21-24: Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele. Disse-lhe Judas (não o Iscariotes): Senhor, de onde vem que te hás de manifestar a nós, e não ao mundo? Jesus respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada. Quem não me ama não guarda as minhas palavras; ora, a palavra que ouvistes não é minha, mas do Pai que me enviou.


b)    O amor impulsiona o crente ao serviço: Esta é uma prova inconteste do amor de Deus.

2 Coríntios 5; 14: Porque o amor de Cristo nos constrange, julgando nós assim: que, se um morreu por todos, logo todos morreram.

Hebreus 6; 10: Porque Deus não é injusto para se esquecer da vossa obra, e do trabalho do amor que para com o seu nome mostrastes, enquanto servistes aos santos; e ainda servis.


c)     O amor nos prepara para a vinda de Jesus: A Bíblia afirma que a coroa de justiça está reservada aos que amam a sua vinda.

2 Timóteo 4; 8: Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda.


3)    Como restaurar o primeiro amor: Jesus não disse apenas a falta cometida pela igreja em Éfeso, mas, como ela poderia restaurar sua condição espiritual.

a)    “Lembra-te de onde caíste”: É a recordação da alegria proporcionada pela comunhão com Jesus, que já foi desfrutada e a verificação do que nos afastou desta condição.

Salmos 51; 9-12: Esconde a tua face dos meus pecados, e apaga todas as minhas iniquidades. Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto. Não me lances fora da tua presença, e não retires de mim o teu Espírito Santo. Torna a dar-me a alegria da tua salvação, e sustém-me com um espírito voluntário.


b)    “Arrepende-te”: É o reconhecimento das faltas cometidas contra Deus e o abandono das práticas que O aborrecem.

Tiago 4; 9: Senti as vossas misérias, e lamentai e chorai; converta-se o vosso riso em pranto, e o vosso gozo em tristeza.

Provérbios 28; 13: O que encobre as suas transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia.

1 João 1; 7: Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo o pecado.


c)     “Pratica as primeiras obras”: O perdão e a restauração da comunhão, o amor a Jesus se torna como “nos dias antigos”. Devemos rever os caminhos e as práticas que antes nos levaram para perto de Deus e foram esquecidos com o passar do tempo.

Malaquias 3; 4: E a oferta de Judá e de Jerusalém será agradável ao SENHOR, como nos dias antigos, e como nos primeiros anos.

Lamentações 5; 21: Converte-nos a ti, SENHOR, e seremos convertidos; renova os nossos dias como dantes.


Como podemos caracterizar a Igreja de Éfeso?
Interpretação Histórica: Apostólica
Período da Igreja: Desviada
Significado: Desejável
Características: Fé, Paciência e Verdade
Exortação: Desviou-se de seu Amor a Cristo / Abandonou o primeiro amor
Promessas: Comer da árvore da vida
Como Jesus se apresenta: Aquele que tem na Sua mão as Sete Estrelas



A cura para o esfriamento do amor para com Deus é o reconhecimento das faltas e voltar às práticas das primeiras obras. Jesus deseja ardentemente que vivamos em intensa comunhão com Ele.

Para concluirmos, observemos os subtópicos abaixo, extraídos do texto central deste Estudo:

**tirarei do seu lugar o teu castiçal, se não te arrependeres: Cristo rejeitará toda congregação ou igreja que não se arrepender de sua falta de amor e obediência ao Senhor Jesus Cristo, e a removerá do seu reino.

****Ao que vencer: O vencedor é aquele que, mediante a graça de Deus recebida através da fé em Cristo, experimentou o novo nascimento e permanece constante na vitória sobre o pecado, o mundo e satanás.

                         I.            Cercado de muita oposição e apostasia, o vencedor se recusa a conformar-se com o mundo e a impiedade dentro da igreja. Ele ouve e atende aquilo que o Espírito diz às igrejas, permanece fiel a Cristo até ao fim e aceita somente o padrão de Deus para a vida cristã, revelado na sua santa Palavra.

                     II.            Nas igrejas de Deus, o vencedor, e somente o vencedor, comerá da árvore da vida, não sofrerá o dano da segunda morte, e receberá o maná escondido e um novo nome no céu, terá autoridade sobre as nações, seu nome não será removido do livro da vida, será honrado por Cristo diante do Pai e dos anjos, permanecerá com Deus no seu templo, terá sobre si o nome de Deus, de Cristo e da Nova Jerusalém e será para sempre filho de Deus.

       III.      O segredo da sua vitória é a morte expiadora de Cristo, seu próprio testemunho fiel acerca de Jesus e a perseverança no amor a Cristo até a morte. Observe que, ou vencemos o pecado, o mundo e satanás, ou somos por eles vencidos, acabando por sermos lançados no lago de fogo. Não há grupo neutro!

1 João 5; 4: Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo, a nossa fé.

Romanos 8; 37: Mas em todas estas coisas somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou.



Referências:
Bíblia de Estudo Pentecostal
CPAD- Lição Jovens e Adultos, 2° Trimestre 2012
Estudos/Palestras nos Cultos do ProjeFérias 2017.1



Que Deus em Cristo vos Abençoe!

Fraternalmente,
Erica Carla

domingo, 21 de mayo de 2017

Poema- Um Lindo Amanhecer

Quando acordei pela manhã,
Um novo dia começava a nascer;
O cantar dos passarinhos anunciava,
A chegada de um lindo amanhecer;
Olhei através da janela,
O sol entre os montes começava a aparecer;
Ergui os olhos para o céu,
E comecei a agradecer;

Agradecer por mais um lindo dia,
E por estar ali para contemplar;
Pela mansa brisa do amanhã,
Que veio me acompanhar;
E um rio de água cristalina,
Que corre dia e noite sem parar;
O ar que respiro e o vento que não vejo,
Mas sinto o meu rosto tocar;

Assim é o Senhor na minha vida,
Os meus olhos não podem alcançar;
Mas sinto sua presença,
Aonde vou, em qualquer lugar.
Ele fez de mim o seu templo,
Em meu coração veio morar;
Hoje sinto a alma renovada,
E o seu Nome vivo a Louvar.

Antonio Carlos Ramos




Gênesis 1; 3-5: E disse Deus: Haja luz; e houve luz. E viu Deus que era boa a luz; e fez Deus separação entre a luz e as trevas. E Deus chamou à luz Dia; e às trevas chamou Noite. E foi a tarde e a manhã, o dia primeiro.

Salmos 118; 24: Este é o dia que fez o SENHOR; regozijemo-nos, e alegremo-nos nele.


Gênesis 2; 7: E formou o SENHOR Deus o homem do pó da terra, e soprou em suas narinas o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente.

Jó 33; 4: O Espírito de Deus me fez; e a inspiração do Todo-Poderoso me deu vida.


Isaías 26; 9: Com minha alma te desejei de noite, e com o meu espírito, que está dentro de mim, madrugarei a buscar-te; porque, havendo os teus juízos na terra, os moradores do mundo aprendem justiça.

Salmos 150; 6: Tudo quanto tem fôlego louve ao SENHOR. Louvai ao SENHOR.


Salmos 1; 1-6: Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite. Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará. Não são assim os ímpios; mas são como a moinha que o vento espalha. Por isso os ímpios não subsistirão no juízo, nem os pecadores na congregação dos justos. Porque o SENHOR conhece o caminho dos justos; porém o caminho dos ímpios perecerá.

Ezequiel 47; 12: E junto ao rio, à sua margem, de um e de outro lado, nascerá toda a sorte de árvore que dá fruto para se comer; não cairá a sua folha, nem acabará o seu fruto; nos seus meses produzirá novos frutos, porque as suas águas saem do santuário; e o seu fruto servirá de comida e a sua folha de remédio.



Que Deus em Cristo vos Abençoe!

Fraternalmente,
Erica Carla

domingo, 14 de mayo de 2017

Acrósticos de minha autoria, datados em 13/05/2017: Dia das Mães

Minha Mãe é a minha Melhor
Amiga, Carinhosa e Companheira;
Melhor Mãe do mundo inteiro,
Amor da minha vida, és tu
Elbe, meu Exemplo de Vida e Fé!




Feliz sou por tê-la como Mãe,
Emocionada fico com o seu cuidado,
Linda és em todos os aspectos,
Inimaginável é para mim, não ser sua filha;
Zelosa, Cuidadosa, Amorosa, Carinhosa, Compreensiva, Participativa... são alguns adjetivos para te descrever.

Dia de honrar-te,
Impossível não
Amar-te!

Dia de
Alegria, então
Sorria!

Mães de toda parte
Alegrem-se
Emocionem-se
Sejam Felizes não apenas neste dia, como em todos os outros do ano, pois quem tem mãe precisa honrá-la e amá-la sempre!

Erica Carla


Êxodo 20; 12: Honra a teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o SENHOR teu Deus te dá.

Efésios 6; 2 e 3: Honra a teu pai e a tua mãe, que é o primeiro mandamento com promessa; Para que te vá bem, e vivas muito tempo sobre a terra.


Desejo Felicidades a todas as mães (mães, avós e sogras), em especial à Minha Mãe (Elbe) e minha Avó (Elbi)! Amo Vocês!



Que Deus em Cristo vos Abençoe!

Fraternalmente,
Erica Carla

sábado, 6 de mayo de 2017

Poema da minha autoria, datado em 12/04/2017: Bendito Salvador!

Bendito Salvador,
Amado Redentor,
Fiel Consolador,
A Ti dou meu Louvor,
Querido Senhor!

Erica Carla



2 Coríntios 1; 3-7: Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação, que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados de Deus. Porque, como as aflições de Cristo são abundantes em nós, assim também a nossa consolação sobeja por meio de Cristo. Mas, se somos atribulados, é para vossa consolação e salvação; ou, se somos consolados, para vossa consolação é, a qual se opera, suportando com paciência as mesmas aflições que nós também padecemos. E a nossa esperança acerca de vós é firme, sabendo que, como sois participantes das aflições, assim o sereis também da consolação.

1 Pedro 1; 3-9: Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua grande misericórdia, nos gerou de novo para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, para uma herança incorruptível, incontaminável e que se não pode murchar, guardada nos céus para vós que, mediante a fé, estais guardados na virtude de Deus, para a salvação já prestes para se revelar no último tempo, em que vós grandemente vos alegrais, ainda que agora importa, sendo necessário, que estejais um pouco contristados com várias tentações, para que a prova da vossa fé, muito mais preciosa do que o ouro que perece e é provado pelo fogo, se ache em louvor, e honra, e glória na revelação de Jesus Cristo; ao qual, não havendo visto, amais; no qual, não o vendo agora, mas crendo, vos alegrais com gozo inefável e glorioso, alcançando o fim da vossa fé, a salvação da alma.

Salmos 68; 19: Bendito seja o Senhor, que de dia em dia nos carrega de benefícios; o Deus que é a nossa salvação.





Salmos 19; 14: Sejam agradáveis as palavras da minha boca e a meditação do meu coração perante a tua face, SENHOR, Rocha minha e Redentor meu!

Jó 19; 25: Porque eu sei que o meu Redentor vive, e que por fim se levantará sobre a terra.


João  14; 16-21, 26: E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre; o Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê, nem o conhece; mas vós o conheceis, porque habita convosco e estará em vós. Não vos deixarei órfãos; voltarei para vós. Ainda um pouco, e o mundo não me verá mais, mas vós me vereis; porque eu vivo, e vós vivereis. Naquele dia, conhecereis que estou em meu Pai, e vós, em mim, e eu, em vós. Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, este é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei e me manifestarei a ele. Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, vos ensinará todas as coisas e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito.



Que Deus em Cristo vos Abençoe!

Fraternalmente,
Erica Carla